Enfim,30 – eu preciso mesmo disso?

bases

Terminei há alguns dias de ler o livro Enfim, 30 da Jana Rosa e Camila Fremder e resolvi fazer uma série de posts falando sobre o livro e relacionando com a minha vida de 30 anos :)

O livro é bem legal e depois posto uma resenha sobre ele. Hoje eu queria falar sobre o consumo besta e desnecessário que as vezes temos com produtos de beleza. Há um trecho no livro que diz: “Aos 30 você já sabe qual maquiagem fica boa e quais cremes duram muito tempo, já jogou muito produto de beleza fora nessa vida, então percebe que precisa ter pouca coisa pra se cuidar e se maquiar…”

Ai eu te pergunto, porque então continuamos comprando muitas coisas de beleza a cada blogueira que dá uma dica nova? Ou a cada lançamento de um produto? É besteira pura!

Veja o meu caso, tenho simplesmente 7 produtos que funcionam como base… Até parece que minha pele tem uma cor a cada dia da semana! Simplesmente eu fui comprando de besta a maioria destes produtos.

Aos 30 eu sei que tenho uma base preferida, que tem a cor da minha pele, cobre bem e não me deixa oleosa, que é a base da Mary Kay. Tenho 2 potes pois tenho 2 cores, uma para quando estou mais branca, outra quando estou morena. Mas as duas estão acabando e por não ter contato fácil com uma revendedora (aliás isso é bem chato né?!) eu fui buscar opções em shopping.

Fui ver a da Quem Disse Berenice? Cheguei na loja, expliquei que tinha pele oleosa e a vendedora me ofereceu a base, testei e no teste eu não gostei, achei ela oleosa, mas pensei “ha…pode ser pq já estou com uma base, se lavar o rosto e passar essa vai dar”. Ainda questionei para a vendedora e ela -claro querendo vender- disse que era ótima para pele oleosa. Comprei e… me arrependi. Porque na hora eu não pensei melhor e deixei de lado?

Então depois dessa, fui outro dia na Contém 1g. A moça me ofereceu uma base que parecia ser muito boa mas era R$249. Agradeci e pedi uma opção mais barata pois não tenho condições de pagar caro numa base, se tivesse, comprava com esse preço uma importada de marca chique né? Pelo menos nisso eu pensei e não fui comprando de cara! A moça me ofereceu uma outra base mas não estava me acertando com a cor, como sou uma pessoa sem saco para ficar experimentando e tendo um vendedor no meu lado me pressionando (o ruim de comprar na internet é q vc perde o costume para essas coisas), acabei aceitando uma cor lá. Mas daí, você chega em casa, com a luz do dia natural e vê que… não rolou. O problema é que não posso trocar pois para ver que não rolou eu precisei passar no rosto inteiro né? ¬¬

O BB Cream da L´oreal eu comprei pois já usei muito mas eu tinha a pele mais escura e descobri agora que a cor também não está boa… ¬¬

A da M.A.C é uma base que provavelmente já está vencida, não uso mais, mas achei no meu armário lá jogada com o pote quase cheio. Comprei há muito tempo e usei pouco pois não ficou boa para minha pele oleosa, comprei naquela de que todo mundo ama M.A.C e eu precisava amar e ter também.

Ainda tenho uma que comprei no Japão, essa eu gostei, até comprei uma nova pelo eBay. Para dias em que quero uma pouca cobertura ela é ótima e dessa não me arrependo.

Ou seja, tenho 7 bases mas as que me servem BEM mesmo são apenas 2. Depois dessas últimas experiências eu aprendi mesmo o que dá certo da minha pele e percebi que gastei dinheiro a toa. Eu preciso de tudo isso mesmo? Claro que não! Só preciso da Mary Kay e essa do Japão para outras ocasiões e ponto final!

Sempre há lançamentos de bases, BB Cream, CC cream e por aí vai. Mas nós temos que nos segurar nesse impulso de querer qualquer novidade e estudar bem se vale a pena ou não comprar. Se você já tem um ótimo produto, pra que mexer em time que está ganhando não é mesmo?!

Quando você tem 30, realmente começa a pensar nisso, mesmo porque, seu suado dinheirinho é valioso e precisa dar para pagar as contas e comprar os produtos necessários :) Pena que eu nessas experiências demorei a me ligar disso. Mas fica o aprendizado para a próxima.

Isso acontece com blushs e sombras. Se você já experimentou várias sombras, sabe o que fica bem na sua pele e que te agrade, não precisa comprar todo o lançamento. No blush, você precisa achar uma cor que fique boa e natural e pronto! Ou você quer ficar trocando de cor de bochecha a toda hora? Um dia é rosa, outro marrom, outro pêssego? A ideia é para ficar uma pele corada natural, se a cada dia você usa uma cor…Não vai ficar legal!

Super concordo com o livro quando diz Enfim, 30. Tipo finalmente 30. Rola crise? Rola! Mas passa e você começa a ver o mundo de uma forma mais inteligente, principalmente o consumo!

Comprar com calma e sabedoria é a chave! E saber dizer não ao vendedor também (eu sou do tipo que acha ruim pedir para ver produtos e etc. e depois vai embora sem levar, mas hei… ngm pode me obrigar a comprar né? Eu posso dizer não!)

13 thoughts on “Enfim,30 – eu preciso mesmo disso?”

  1. Não é puxa saquismo da minha parte (porque sou consultora) mas a Mary Kay supera as outras marcas em muitos aspectos. Além de ter produtos de alta qualidade, você pode experimentar antes de comprar e se mesmo depois de comprar ver que não deu certo, a Mary Kay garante 100% de satisfação e o produto pode ser trocado ou o dinheiro devolvido. Já passei por essa sua experiência e inclusive já passei dos 30 e realmente concordo que não precisamos de uma montanha de cosméticos. É tudo uma questão de sabermos fazer escolhas inteligentes. Parabéns pelo seu blog e caso precise de uma consultora Mary Kay é só entrar no site da Mary Kay e buscar uma consultora perto de você. Não moro muito perto mas fico a sua disposição :-) Beijos!

    1. Letícia cada hora sai uma coisa que eles testam e depois que não… Que a M.A.C testa, depois que não… Tentei achar uma base no O Boticário boa que eu sei que não testa mesmo mas não achei uma cor legal pra mim =/ É complicado, tem tanta coisa testado em animal q nem temos noção como cremes, sabonetes, produtos de limpeza…

  2. Olá Amanda acompanho teu site a muito tempo e adoro .Sou consultora Marykay e como também moro em Curitiba terei o maior prazer em te atender! !! Whats 9653-5519
    Um forte abraço! !!!!

    1. Oi Lilia! Uma amiga do Rio que é consultora já me mandou as bases mas da próxima já tenho seu contato :) Obrigada bjsssss

  3. Sabe o que fiz? Tenho várias bases que não uso por algum motivo x (não é da mesma cor, ou transfere muito, ou dá uma sensação de que “tem uma base oleosa no meu rosto”) – e tem umas bases caras, que eu achava que só por serem caras seriam ótimas (Dermablend, Make Up For Ever, etc).

    Ao invés de jogar fora, peguei um potinho micro de geléia limpo (da França, ó que chique!) e comecei a misturar as bases, corrigindo o que eu não gostava na base para salvar e não jogar no lixo.

    – A cor tá muito escura? Mistura com bases claras, ou põe protetor solar para clarear (tem quem use hidratante).
    – A base transfere muito/tem cobertura baixa? Mistura com uma de cobertura megaboa (aqui eu uso a minha base favorita que eu amo de paixão: Revlon Colorstay. Cobertura altíssima, pode esfregar que não transfere)

    Não é todo dia que acordo cheia de espinhas, então para esses dias que não estou tão feia eu uso essa mistureba, para gastar as bases “não tão boas”.

    Espero que ajude! Adoro demais seu blog!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *